Faça sua escolha.


E quanto mais vejo suas feridas,mais me sinto Melhor.

Cada vez que você está no chão, despedaçado e sozinho, eu fico rindo sozinha.

A sua imagem não me causa nenhum tormento, foi se o tempo que estávamos do mesmo lado.

Mas você virou meu oponente, e prometi a mim mesma não baixar a guardar.

Cada corte que você abre em mim, o dobro abro em você.

Sua luz já se foi e seus demônios estão na sua cabeça.

Meu rosto ativa seu mecanismo de batalha, você me empurra, tenta me impedir, você quer me matar.

E eu entrei nessa luta pra matar os demônios que nos atormenta, esse reflexo e toda gota de sangue derramado nunca é suficiente para auto destruição.

Qual seria o preço, ou o nível de loucura capazes de nos fazer parar?

Há sempre dois lados, seu tempo está se esgotando.

Qual lado vale mais, a redenção ou sua própria mutilação?