Todos os nossos dias...




Todos nossos dias, eu tenho pensado, eu tenho sentido,
se há algo errado, por que algo parece escapar por minhas mãos,
eu te olho todas as manhãs, e me pergunto se o tempo me castigará então..

Eu paro e me perco numa montanha de palavras, de lembranças passadas...

num momento você passa a pensar sobre tudo o que fez, tudo o que encontrou..

E tudo o que eu me pergunto é até onde iremos chegar....

sinto que não temos muito tempo, para se viver com dúvidas, para se esconder...
Eu preciso do seu amor por completo ou nada então..



Eu preciso me livrar dos fantasmas do meu pensamento, todo esse tempo eu só tenho tentado encontrar o amor que encontrei nos braços teus.
Eu preciso saber se ainda sou o que você buscou...

Minha mente me atropela, me sinto as vezes como uma página, que já foi lida e ignorada.

Eu encontrei a razão pra acordar todos os dias, mais essa razão também me faz adormecer...
como uma rosa que nasce e morre quando não se é cultivada, minha alma é assim, as vezes iluminada com seu olhar, as vezes repleta de feridas.

Todos nossos dias, eu olho você, e procuro você..